Quer ser curado?

maio 11, 2011

No evangelho de São João temos a história inspiradora do paralítico que ficava esperando a cura à beira de um poço. A pessoas acreditavam que água do poço era movimentada pelos próprios anjos e quando isso acontecia, quem entrasse primeiro no tanque seria curado de todos os males. O pobre homem nunca conseguia se arrastar até o tanque a tempo. Jesus se encontrou com aquele homem naquela situação, e fez uma pergunta simples e direta, conforme Jo 5,6: “Queres ficar curado?”.

 Esta pergunta de Jesus é importantíssima. Por quê?. Para as coisas ruins de nossa vida mudarem e se transformarem em benção, é necessário olhar para além das circunstâncias. O paralítico tinha apenas o tanque como esperança, por isso responde para Jesus em Jo 5,7: “Senhor, não tenho ninguém que me ponha no tanque, quando a água é agitada”.

 Muitas vezes centralizamos nossa vida em algo que achamos que será a única solução. O paralítico pensava somente no tanque, não sendo capaz de entender que Jesus estava dizendo: você quer o tanque ou a cura?Quanta semelhança com o modo como as pessoas enfrentam os seus problemas. A solução continua sendo a mesma. E qual é? O homem à beira do poço foi curado somente quando olhou para Jesus e obedeceu a sua palavra. Não precisou esperar a água ser agitada e entrar no poço. Em Jo 5,8-9 “Ordenou-lhe Jesus: Levanta-te, toma o teu leito e anda. No mesmo instante, aquele homem ficou curado”

 Olhe para Jesus, deixe a sua luz entrar em seus problemas e você também experimentará continuamente a sua cura.

 

Oração para Cura Física

Senhor Jesus, creio que estás vivo e ressuscitado. Creio que sempre falas comigo pela Palavra; creio que estás presente realmente no sacramento do altar para me alimentar; creio que respondes as orações de todos os que te buscam de coração.

Eu te louvo e adoro. Te rendo graças, Senhor, por teres vindo por amor de mim, como Pão vivo descido do céu. Tu és a plenitude da vida, em ti ninguém é esquecido, de ti vem o perdão, a paz e a saúde.

Visita-me com o teu auxílio, e renova-me com o teu poder. Tem compaixão de mim e abençoa-me em todas as minhas necessidades.

Cura-me, Senhor Jesus.
Cura-me em meu espírito, dando-me vitória diante do pecado.
Cura-me em minhas emoções, fechando as feridas das minhas mágoas, frustrações, rancores ou ódios…
Cura-me em meu corpo, devolvendo-me a saúde física.

Hoje, Senhor, te apresento com total confiança a(s) minha (s) doença(s):… (diga o nome da sua(s) doença(s)) e te peço cura-me completamente, como curaste os doentes que te procuravam quando estiveste aqui na terra.

Eu creio como promete a Palavra: “Carregou os nossos pecados em seu corpo sobre o madeiro, para que, mortos aos nossos pecados, vivamos para justiça. Por fim, por suas chagas fomos curados (1Pdr 2,24).”

Estou seguro do teu amor por mim, e mesmo antes de ver os resultados da minha oração, eu te digo com fé: Obrigado, Senhor Jesus, pela bênção que já estás derramando em meu favor.

Anúncios

Sorrir e assobiar

janeiro 20, 2011

 

       A cada dia as pessoas vão perdendo a capacidade de sorrir, assobiar tranqüilamente na rua, cumprimentar com atenção e sinceridade. Ao invés disso, vemos a pressa em chegar no destino, os gestos ou palavras demonstrando irritação ou agressividade. Como cristãos é necessário estar atentos para não cometer esses erros, porque um dos sinais da presença de Jesus em nosso coração é a alegria. 

 “O Reino de Deus não é comida e nem bebida, mas justiça, paz e gozo no Espírito Santo. Quem deste modo serve a Cristo, agrada a Deus e goza da estima dos homens.”

              Rom 14,17-18

         Estas palavras nos ajudam a compreender que viver de acordo com os ensinamentos da Palavra de Deus é algo extremamente útil e prático. Deus não quer ocupar somente o nosso tempo  com alguns atos religiosos, mas dar uma visão ampla sobre a vida. Podemos iniciar cada dia esperando sempre uma surpresa agradável. Para alcançar este objetivo é necessário seguir o sábio conselho de uma pessoa de profunda experiência com as surpresas de Deus: o apóstolo São Paulo. Em 2 Cor 12,10 diz: ” Eis que sinto alegria nas fraquezas, nas afrontas, nas necessidades, nas perseguições, no profundo desgosto sofrido pôr amor de Cristo. Porque quando me sinto fraco, então é que sou forte.” A alegria, fruto do Espírito Santo, dá a convicção que somos capazes de enfrentar as lutas da vida, tristezas e outras realidades indesejáveis.

 Um problema atrás do outro, caindo em nossa vida tem o poder de trazer a amarga sensação de fracasso, desânimo. Nesse momento desaparece todo o prazer de viver, afinal de contas, quem é que agüenta solidão, brigas na família, traição de amigos, dificuldades financeiras, doença…? Não existe alegria para quem se sente derrotado. Agora, se a atitude é outra, a de reagir de acordo com a sua fé em Jesus Cristo, tudo muda. Você pode até em um primeiro momento se sentir abatido, mas a promessa do Senhor é muito clara:

…mas aqueles que esperam no contam com o Senhor renovam as suas forças; ele dá-lhes asas de águia. Correm sem se cansar, vão para frente sem se fatigar.”

                                 Is 40,31

 A solução está em parar de lamentar a sua sorte e levantar a cabeça, manter-se de pé, firme nas promessas do nosso bom Deus. Não existe melhor remédio do que a fé. Quanto passamos pôr turbulências em nossa vida, existe o perigo de tentar a solução de trabalhar mais, ou o mais grave, envolver-se com o álcool, drogas, jogo… Não chegue a este ponto, e se chegou existe saída. Aproxime-se de Jesus, não tenha medo de falar do seu problema, se for preciso chore junto Dele, não tenha vergonha….Ele também chorou diante do túmulo do seu amigo Lázaro. Todavia, faça isso como quem está se submetendo  a um tratamento com a certeza da cura.

 “ Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei. Tomai meu jugo sobre vós e recebei minha doutrina, porque eu sou manso e humilde de coração e achareis o repouso para as vossas almas.”

                                        Mt 11,28-29

 Fica claro que não se trata de mera auto-ajuda, como esta na moda, e sim a importância de viver a fé, praticar a religião… pois aí está o combustível que faz o motor da vida produzir alegria.

 Então vamos recapitular:

– permita que o Espírito Santo renove  sua mente tirando o pessimismo, passando a viver o otimismo;

– aprenda a assobiar e sorrir para as pessoas

– pratique de modo confiante a sua fé e participe da Igreja para alimentá-la com os meios deixados pôr Jesus